A TRANSITIVIDADE EM GÊNEROS TEXTUAIS: ANÁLISE À LUZ DO FUNCIONALISMO LINGUÍSTICO

Resumo: A Transitividade verbal vem sendo estudada por vários vieses teóricos, tanto na perspectiva formalista quanto na funcionalista da linguagem. No Núcleo de Pesquisas em linguagens, as investigações desse fenômeno estão afiliadas ao funcionalismo linguístico norte-americano (Givón, 1995; Hopper e Thompson, 1980; Thompson e Hopper, 2001), que concebe a língua como uma atividade social arraigada ao uso diário feito pelos falantes e condicionada por pressões advindas de diversas situações interativas. Sendo assim, o nosso objetivo é identificar, descrever e explicar as múltiplas possibilidades de manifestação da transitividade em diferentes gêneros textuais, com vistas a analisaras motivações funcionais (sintático-semântico-discursivo-pragmáticas, sociais e cognitivas) subjacentes a cada situação comunicativa. Este projeto se justifica na medida em que adota um referencial teórico que dá conta de explicar o complexo fenômeno gramatical, que é a transitividade, e também por investigar esse fenômeno nos vários gêneros textuais que circulam na sociedade brasileira. O corpus se constitui dos vários gêneros textuais (manchete, notícia, charge, canção, anúncio publicitário etc.) e sua análise será qualitativa. Esperamos que, ao final desta pesquisa, com a divulgação dos resultados, em publicações em Anais de congresso e em capítulos de livro, possamos contribuir com professores, sobretudo da rede pública de ensino, elucidando o complexo fenômeno da transitividade.

Data de início: 2015-08-01
Prazo (meses): 24

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Coordenador Lúcia Helena Peyroton da Rocha
Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910