SUBJETIVIDADE E DESSUBJETIVAÇÃO EM ENUNCIADOS ARGUMENTATIVOS PRODUZIDOS EM ESFERA ESCOLAR: GÊNERO, ESTILO E AUTORIA

Resumo: Neste projeto de pesquisa, perguntamo-nos a respeito das concepções, propostas didático-pedagógicas e práticas de ensino de gêneros do discurso argumentativo encontradas, atualmente, no ensino de língua portuguesa, especialmente no ensino médio. O objetivo geral é investigar como questões referentes à subjetividade, estilo e autoria tem se tornado objeto de ensino em relação a gêneros do discurso argumentativo e, também, como enunciados pertencentes a esses gêneros têm sido realizados na esfera social mais ampla e na escolar, mais particularmente. Tal objetivo é buscado a partir da teoria bakhtiniana da linguagem, de sua metodologia dialógica (BAKHTIN/VOLOSHINOV, 2010; BAKHTIN, 2010a; BAKHTIN, 2010b; MEDEVIÉDEV, 2012; AMORIM, 2001; MIOTELLO; 2012), e, também, de um corpus de enunciados constitutivos do contexto de interação escolar, seja do ponto de vista do ensino, seja do ponto de vista da produção textual. Postula-se, como hipótese de trabalho, uma tensão enunciativa que se constitui entre os regimes discursivos (AMORIM, 2001) de gêneros consagrados e legitimados pela escola e pela sociedade e o querer-dizer do locutor (BAKHTIN, 2010a). No horizonte discursivo das “dissertações escolares”, essa tensão se consubstancia na articulação entre a subjetividade do eu e sua dessubjetivação (AMORIM, 2001; GREGOLIN & BARONAS, 2003) em relação a um outro, marcando, desse modo, a pretensão de objetividade, característica do discurso dissertativo prototípico. Dentro dessa perspectiva, pretende-se analisar situações de ensino-aprendizagem da linguagem escrita colocando-se em discussão as relações dos sujeitos com os gêneros do discurso argumentativo privilegiados, atualmente, pelo universo ideológico escolar. Esse projeto vem sendo desenvolvido, desde 2006, sob nossa coordenação, na Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), no âmbito de Departamento de Línguas e Letras e do Programa de Pós-Graduação em Linguística. Participam, atualmente, do projeto quatro (04) alunos de Iniciação Científica (IC), duas (02) alunas de TCC (Trabalho de Conclusão de Curso), todos graduandos em Letras-Português, e um (01) aluno de Mestrado. Outros quatro (04) alunos de IC, dois (02) de TCC e quatro (04) de Mestrado também já participaram do projeto.

Data de início: 2013-01-01
Prazo (meses): 24

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Coordenador Luciano Novaes Vidon
Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910